Poesia Orfã: Léo Shan manda "um salve a dor" de Salvador.


Um salve a dor de Salvador. Essa é a mensagem que Léo Shan traz no lançamento do "Poesia Orfã", um projeto com um conceito diferente do que tem sido feito no cenário atual. Ele apresenta rimas, anotações e versos sem instrumental em uma gravação que pouco prioriza as imagens e o áudio.


Leonardo Werner começou a rimar em 2009, mas foi em 2010 que lançou o primeiro trabalho ao lado de Diego Oliveira, no Dplaynosom. O grupo durou até 2012, quando chegou ao fim por "incompatibilidade de interesses". Leandro então decidiu dedicar seu tempo à faculdade de Propaganda e Publicidade.


Os quatro anos na faculdade serviram também para estudo dentro do rap, ele continuou escrevendo e acompanhando o cenário local e nacional. Quando finalizou o curso, foi a vez de partir para uma nova meta: criar o “Poesia Orfã”.

A iniciativa trará ao canal do Youtube do MC SHAN uma série de vídeos que serão divulgados ao longo deste ano. Em paralelo, ele se prepara para lançar um EP que "mistura Boom Bap, Trap e Experimental". O trabalho reunirá rimas velhas e as novas letras do rapper, trazendo sempre "um estilo ácido, irônico e sujo".


© 2018 - RapZeroSeteUm - Todos os direitos reservados